sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Conferência sobre Cristóvão Colombo

No próximo dia 18 de Março de 2009, pelas 17:30 horas realizar-se-á na Academia da Força Aérea uma conferência sobre a temática "A Portugalidade de Cristóvão Colon", uma iniciativa da Associação Cristóvão Colon que, baseando-se em documentos históricos, defende a origem portuguesa do célebre navegador.

Portimão Séc. XVI

Uma das várias possibilidades do projecto genealogiadoalgarve.com é a realização de trabalhos relativos à evolução demográfica dos municípios.
No caso de Portimão há registos de baptismos desde 1575 e de óbitos a partir de 1596. Com estes elementos, ficamos a saber, por exemplo, as taxas de natalidade e de mortalidade na freguesia de Portimão ao longo dos anos.
No Séc. XVI ficamos a saber que foram baptizados em Portimão, em cada ano:
1575 - 87
1576 - 69
1577 - 123
1578 - 93
1579 - 116
1580 - 77
1581 - 106
1582 - 125
1583 - 118
1584 - 171
1585 - 138
1586 - 30
1587 - 32
1588 - 134
1589 - 84
1590 - 102
1591 - 131
1592 - 114
1593 - 141
1594 - 137
1595 - 116
1596 - 129
1597 - 114
1598 - 105
1599 - 108
1600 - 116
Por outro lado, faleceram em Portimão:
1596 - 45
1597 - 59
1598 - 45
1599 - 7
1600 - 46
Infelizmente não dispomos de elementos históricos que nos permitam comparar o número de baptismos com os óbitos entre 1575 e 1595, mas, a avaliar pelo que dispomos, podemos concluir que, anualmente, nasciam na freguesia de Portimão 2 a 3 vezes mais crianças do que o número de falecidos, o que permite um aumento demográfico notável para o Século XVI.
Para um estudo mais aprofundado fica a possibilidade de saber qual sexo das crianças nascidas na freguesia, o número de casais progenitores e a média de filhos por casal.

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Carnaval em Alte

A aldeia mais algarvia do Algarve, com larga tradição festiva, sobretudo pelas festas do 1º de Maio, dá uma lição a muitas grandes cidades em desfiles de Carnaval.
A provar que um desfile não precisa de ser caro para ser divertido, Alte recebeu três mil pessoas na passada Terça-feira, que assistiram à passagem do corso pelas tipicas ruas da localidade, num ambiente alegre e divertido.
Aqui ficam algumas imagens do Carnaval de Alte:

video

video

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Carnaval em Portimão

Na passada Sexta-feira, dia 20 de Fevereiro, realizou-se em Portimão o desfile de Carnaval da Escola do Bairro Pontal.
Assumindo cada sala da escola um tema de um conto infantil, as crianças encarnaram os respectivos personagens com grande competência e rigor, percorrendo a zona ribeirinha de Portimão até ao edifício da Câmara Municipal e, daí, regressando à escola.
Entre os grupos temáticos haviam: o Pinóquio, a Branca de Neve e os Sete Anões e o Peter Pan.
Aqui ficam algumas imagens do desfile:

Turismo em Portimão, que futuro?

No próximo sábado, dia 28 de Fevereiro, pelas 15:00 horas, decorrerá no Hotel Alvor Pestana, um interessante seminário organizado pelo PSD de Portimão, sobre o tema "Turismo em Portimão, que futuro?".
Entre os participantes no seminário contam-se o Deputado Mendes Bota, o Presidente da AHETA Elidério Viegas e o Candidato a Presidente da Câmara Municipal de Portimão José Dias.
Um seminário a não perder, pela importância do tema e pelas propostas/soluções que poderão ser apresentadas.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Entrevista na Rádio Alvor

Informo que já se encontra disponível na página da Rádio Alvor a entrevista dada a essa rádio no dia 11 de Fevereiro, a qual pode ser ouvida aqui: http://www.alvorfm.com/afm/index.php?main=noticias.

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Assinaturas do Século XVI em Portimão

Numa época em que poucos (mesmo muito poucos) sabiam ler e assinar, quem tinha esse conhecimento e possibilidade devia ter orgulho na elaboração da sua assinatura que, em alguns casos, são verdadeiras obras de arte, executadas com uma simples pena e perpetuadas nos livros de Registos Paroquiais.
Vejamos algumas assinaturas que se faziam em Portimão durante o Século XVI:
Assinatura de Jerónimo Jorge em 1575
Assinatura de Diogo Nunes em 1575

Assinaturas de Gaspar Dias em 1575 e 1576

Assinaturas de Tomé Dias em 1575 e 1576

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

14 de Fevereiro em Portimão

O mês de Fevereiro na cidade de Portimão é rico em actividades para todos os gostos.
Neste aspecto, tem especial destaque o dia 14 de Fevereiro que, talvez por ser o Dia dos Namorados, tem um leque de opções de divertimento para todas as idades.
Vejamos:
Se gostam de música clássica, no dia 14 de Fevereiro pelas 21.30 horas, na Igreja Matriz de Portimão, realiza-se o Ciclo Orquesta de Câmara Portuguesa 2009.
A Orquestra associada ao Centro Cultural de Belém oferece, em estreia ao público de Portimão, a possibilidade de assistir a um concerto de "Música Germânica" e confrontar a música proibida e não proibida pelo regime nazi, através das obras de Hartmann, Strauss, Klein, Wagner e Haas. Sob a batuta do seu director artístico e maestro titular, Pedro Carneiro, este projecto dedicado à valorização dos jovens artistas portugueses tem vindo a registar grande receptividade junto do público.
Se gostam do ténis de competição podem assistir ao arranque do Ladies Open 09, no Complexo Municipal de Ténis de Portimão. Esta é a sexta edição do Portimão Tivoli Ladies Open, torneio internacional feminino a contar para o ranking do Circuito Mundial WTA, com 10 mil dólares em prémios monetários.
Estão previstas na prova de qualificação cerca de 120 tenistas de mais de 30 países, sobretudo do Leste europeu, de onde irão sair oito jogadoras para somar às 24 que integram o quadro principal.
A destacar a vinda da jogadora russa finalista o ano passado, Nina Bratchikova, actualmente a 206ª do mundo. Para além de ser a cabeça-de-série número um da prova, será também a tenista com melhor ranking de todas as edições do Portimão Tivoli Ladies Open.
Em termos da representação lusa, a juntar às conhecidas Catarina Ferreira (679ª do ranking mundial) e Joana Pangaio (961ª), destaque para a participação das promessas portuguesas Maria João Koelher (749ª), atleta do Porto e campeã nacional de sub-18 em 2008. e da algarvia Ana Claro, que se sagrou vice-campeã nacional sub-16 no ano passado, num total de 15 jovens que virão a Portimão tentar alcançar bons resultados neste início de época.
A prova tem o arranque marcado para este sábado, dia 14 de Fevereiro, com a fase de qualificação a decorrer até ao dia 16, entre as 10h00 e as 21h00.Os quadros principais da competição decorrem entre 16 e 22 do corrente das 10h00 às 17h00, as meias-finais e a final de pares acontecerão no dia 21 a partir das 11h00, enquanto a final de singulares está marcada para as 11h00 do domingo, 22 de Fevereiro.

Se preferem antes comemorar o Dia dos Namorados numa luta corpo a corpo, nada melhor do que ir ao Arena assistir ao Campeonato de Esperanças de Judo, que juntará mais de 500 atletas em competição.
Se o dia correu mal, poderão optar por ir assistir à final no dia 15, aprendendo alguns golpes eficazes.

Para os mais radicais, não haverá nada melhor do que ir até ao Aeródromo Municipal de Portimão assistir a mais uma Taça de Portugal em Paraquedismo. No entanto, bom seria que a cara metade oferecesse um salto...

A não perder, até pelo apoio que a PORTINADO merece pela forma como tem prestigiado a cidade de Portimão nas competições de natação e no pólo aquático é o 20º Torneio Portinado, que junta na Piscina Municípal uma de 200 atletas em competição.
Os portimonenses merecem o apoio de todos nós na obtenção das desejadas vitórias.
Se não tem namorado(a) e sente-se triste com isso, adquira já o bilhete para mais uma brilhante Revista á Portuguesa no Boa Esperança, em Portimão, que tem em palco a Revista "Diz que sim, tenho "ouviste" dizer!", que promete uma noite bem animada a quem assistir.

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Entrevista na Rádio Alvor

Amanhã, dia 11 de Fevereiro às 13:00 horas e às 18:00 horas passará na Rádio Alvor uma entrevista minha relativa ao projecto genealogiadoalgarve.com.
Quem tiver interesse em ouvir a entrevista poderá sintonizar o rádio em 90.1 ou, a partir do dia 12 de Fevereiro visitando a página http://www.alvorfm.com/afm/index.php?main=noticias.

Quinta Pedagógica de Portimão


Localizada na Aldeia Nova da Boa Vista, em Portimão, a Quinta Pedagógica abriu ao público em Abril do ano passado e é um local a conhecer na cidade, principalmente para quem tem filhos pequenos e que gostem de animais.
Actualmente a ser explorada por uma associação sem fins lucrativos da cidade de Portimão, a Quinta Pedagógica de Portimão tem sido alvo de intervenção, que visa melhorar e alargar a diversidade de espécies de plantas e as condições de alojamento dos animais.
Dotada de equipamentos de diversão para as crianças, como duas
casas de madeira, um cavalo de pau e baloiços, além de um espaço de actividades ao ar livre, a Quinta Pedagógica oferece ainda um espaço de divertimento coberto, onde há uma espécie de "casa de bonecas" à espera das crianças que lá se queiram divertir.
Dotado de um pequeno núcleo museológico agrícola, aí podemos encontrar alguns instrumentos de lavoura à moda antiga.
Entre os animais que são possíveis ver na Quinta Pegagógica contam-se vacas, cavalos, burros, ovelhas, cabras, galinhas, porcos, coelhos, pombos, patos, cães e gatos.
Possui ainda um picadeiro que, infelizmente, não tem sido utilizado.
Na minha opinião, apesar das intervenções realizadas pela Câmara Municipal de Portimão e pela Associação serem positivas, continua a faltar uma maior possibilidade de inter-acção entre as crianças e os animais, na sua maioria mansos e domésticos, o que é possível e realizável.

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Capitão Fernandes Leão Pacheco

Capitão João Fernandes Leão Pacheco (Portimão, 1543-Guanare, 1593 )
Fundador da cidade do Espírito Santo do Vale de São João de Guanaquanare, actual Guanare, capital do Estado de Portuguesa, na Venezuela, cidade geminada com a de Portimão.
Natural de Portimão, nesta cidade frequentou a escola, antes de ir, juntamente com os seus progenitores, para a cidade de Cádiz, no sul de Espanha.
Em 1564, a expensas suas, a que se juntou o apoio da Casa da Contratação de Sevilha, emigrou para a Venezuela, a bordo do navio San Antonio, acompanhado de outro Portimonense, Vicente Belo, que elaborou o documento da fundação da cidade de Guanare.
Nesse país veio Fernandes Leão Pacheco a casar com D. Mencia, de quem teve três filhos.
Juntando-se ao Capitão Diego de Losada, em 1566, foi um dos seus mais valorosos combatentes, tendo sido um dos fundadores das cidades de Santiago de Léon de Caracas (25.07.1567) e Nuestra Senhora de Caraballeda, em finais do mesmo ano.
Em 03.11.1591, funda a cidade de Guanare, sendo este o texto da sua fundação: “En nombre de la Católica Real Majestad del Rey don Felipe Nuestro Señor, segundo de este nombre fundaba y fundó y poblaba y pobló, en esta dicha provincia, riberas del Guanaguanare, la ciudad del Espíritu Santo del Valle de San Juan”.
Figura alvo de grato reconhecimento por parte do povo Venezuelano, que muito honra a cidade de Portimão, viria a estar associado, já após a sua morte e graças aos laços genealógicos, ao maior vulto da história da América Latina e pai da independência de vários países, como é o caso da Venezuela, uma vez que, segundo a opinião de vários genealogistas, é ascendente de Simon Bolívar.
João Fernandes Leão Pacheco veio a falecer em 1593, encontrando-se sepultado na igreja da cidade.
Guanare é uma das cidades geminadas com Portimão.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

A primeira elevação de Portimão a cidade

Com a elevação de Portimão a cidade em 11.12.1924, por Manuel Teixeira Gomes, os livros de história deixaram de fazer referência a uma outra elevação, muito mais antiga.
Corria o ano de 1773 quando D. José I decidiu dividir o Bispado do Algarve em dois, pela ribeira de Quarteira, em linha recta ao Campo de Ourique, ficando em Faro a sede do Bispado Oriental e em Vila Nova de Portimão, elevada à categoria de cidade, a do Bispado Ocidental.
Esta decisão começou a ser formada com dois decretos importantes para a história da cidade, ambos datados de 16.01.1773, criando um a Comarca de Portimão, que se separa assim da de Silves e o outro a redução de Alvor à condição de aldeia e a sua inclusão no concelho de Portimão.
Para Bispo de Portimão foi nomeado o Dr. Manuel Tavares Coutinho, cónego doutoral da Sé da Guarda e lente da Universidade.
Não podemos deixar de referir que a promoção de Portimão se deveu, também em parte, ao desejo do Marquês de Pombal de despromover Alvor, condado dos Távoras, mas a criação de um Bispado com sede nesta localidade demonstra indubitavelmente uma projecção e desenvolvimento notáveis para a época.
Com o falecimento de D. José I, talvez motivada pelos estragos provocados pelo terramoto de 1755 e pelo seu desejo de agradar ao Bispo Frei Lourenço de Santa Maria, a Rainha D. Maria I, em 31 de Maio de 1777, fez com que o Bispado do Algarve fosse reunificado, voltando Portimão à sua condição de vila.
Portimão foi, assim, cidade entre 16 de Janeiro de 1773 e 31 de Maio de 1777.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

O mais antigo registo de baptismo de Portimão

Hoje apresento aos visitantes deste blogue a imagem digitalizada do mais antigo assento de baptismo (sobrevivente ao peso dos anos) da freguesia de Portimão.
Trata-se do assento de baptismo de um Belchior e diz o seguinte em português corrente:
"Ao primeiro de Abril de 1575 anos baptizei eu Fernão
Moreira beneficiado nesta igreja de Vila Nova a Bel
chior filho de Francisco Dias e de Inês Dias foi padrinho Diogo
Dias da Fabriqua e Guiomar Gonçalves e por ser verdade assinei"
Embora este seja o assento de baptismo mais antigo, permite recuar mais no tempo, uma vez que identifica os pais, que terão nascido entre 1540 e 1550, ou seja, apenas 100 anos depois da data tradicional da fundação de São Lourenço da Barrosa.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Sondagem dá vitória a Gonçalo Amaral

Para vosso conhecimento segue cópia do comentário à notícia publicada no Jornal de Portimão relativamente à divulgação da sondagem que dá a vitória ao candidato Gonçalo Amaral em Olhão:
O problema do veto da Nacional do PSD ao candidato Gonçalo Amaral, na minha opinião é um verdadeiro atentado às estruturas de base e aos militantes do Partido, tendo sido a única razão que me levou à demissão de militante do PSD, num protesto público contra uma liderança nacional que acho oligarca e actuante de forma a transformar um Partido de ideais e de militantes num Partido sem ideal e com um cariz eleitoral de massas, o que é contrário à base de formação do PPD/PSD.
Nenhum militante do PSD, que o seja por acreditar no ideal Social Democrata, pode concordar com a actual liderança Nacional do Partido e com este veto a um candidato que, a avaliar pelas sondagens, seria (e acredito que será) um candidato vencedor.
Que legitimidade tem uma direcção nacional de gabinete, que nas sondagens não consegue sonhar sequer com uma vitória eleitoral, para vetar um candidato claramente vencedor, ainda mais numa autarquia que o PSD nunca ganhou?
Como pode a Presidente do PSD, que é o político com pior imagem a nível nacional questionar a imagem do candidato escolhido pelas bases do Partido a uma autarquia local, que tem melhores índices de imagem do que a própria?
Que segurança têm as concelhias para escolherem um candidato às autarquicas, quando toda a gente sabe que é dificil alguém aceitar um desafio desta dimensão, ainda mais quando se está na oposição?
Com que cara um líder partidário local comunica a um cidadão que é convidado para ser candidato autárquico que não o pode ser porque a Nacional não o aceita, depois de apresentar a candidatura?
E como se sentirá a pessoa que aceita o desafio acreditando nele?
A política é muito mais do que a guerra de bastidores dos Partidos e, mesmo nestas, há que haver um mínimo de ética, que a Drª Manuela Ferreira Leite e quem a acompanha na liderança do PSD Nacional demonstram não ter.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Logotipo do projecto

A data da apresentação pública do projecto genealogiadoalgarve.com aproxima-se a passos largos.
Apesar dos atrasos resultantes de questões técnicas ou provocados por problemas de saúde, o facto de este ser um projecto que já conta com 5 anos de elaboração permite que, no essencial, estejam reunidas as condições para a sua apresentação pública durante o mês de Abril com a divulgação dos dados relativos à freguesia de Portimão.
Um dos componentes do projecto em falta era um logotipo suficientemente expressivo e abrangente para reunir numa só imagem toda a ideia e dimensão do seu objectivo.
A estudante de arquitectura do ISMAT Joana Oliveira soube expressar bem tais princípios, criando uma obra rica em simbolismo, sem perda do valor estético:
Na parte superior do logotipo escontra-se representado um pormenor de "A Criação de Adão" de Miguel Ângelo, representando a origem Divina do Homem apresentada pela Bíblia;
No entanto, o dedo do Criador, ao contrário do que acontece no trabalho de Miguel Ângelo, tem um golpe e sangra, caindo o seu sangue numa taça, representando deste modo a corrente filosófica que defende a origem Dívina, através do Sangue de Cristo, das famílias reais europeias;
Questões divinas à parte, uma certeza biológica reside na evolução do embrião desde o momento da fecundação até ao nascimento da criança, o que se encontra representado sob a mão de Adão;
A descoberta do ADN permite-nos traçar linhas imaginárias até aos nossos mais remotos antepassados, sendo um exemplo da evolução e introdução da ciência no campo da genealogia, pelo que também mereceu uma representação gráfica no logotipo do projecto;
Na base do logotipo encontra-se uma outra visão criacionista, baseada na ideia cientifica da evolução da espécie criada por Charles Robert Darwin;
À esquerda encontra-se a árvore dos nomes, ou da genealogia, comum a todas as pessoas independentemente da teoria criacionista que defenda, da sua raça, credo, religião, nacionalidade, cultura, sexo, valor intelectual, ideal político ou idade...

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Sagres - Sinfonia de vento e de mar

O Algarve é procurado fundamentalmente pelo turismo de Verão, mas não deixa de ter encantos no Inverno.
Dificilmente as imagens que hoje foram possíveis captar na vila de Sagres seriam possíveis num dia de Verão.




video video

Efeitos do mau tempo em Portimão

Quando a Natureza pretende mostrar ao Homem a sua real importância no Mundo, acontece o que se passou esta noite em Portimão:
Esta paragem de autocarros na Torralta viu os seus espelhos arrancados e partidos pela força do vento, que partiu ainda vidros em Portimão e Praia da Rocha e dobrou sinais de trânsito em todo o município.

Este pimenteiro centenário já aparece adulto nas fotografias mais antigas da Praça Visconde de Bivar. Cresceu torto ao longo dos últimos 68 anos, quando o último grande ciclone que atingiu a cidade arrancou parte das suas raízes. O maior pimenteiro da cidade viu, esta noite, parte do seu tronco arrancado pela força do vento. Ao longo da noite cairam ainda árvores na zona ribeirinha, Torralta, Penina, Vau, Alvor e Praia da Rocha.

Outra consequência do mau tempo visivel em praticamente toda a cidade foi a destruição das vedações de obras novas, que ficaram destruídas em Portimão, Praia da Rocha e Praia do Vau.



Os 40 Presidentes dos Estados Unidos em metamorfose

Apresento os meus parabens ao autor deste trabalho, que é notável.
video